20/06 | 2 anos de Coletivamente

Compartilhe

Compartilhe

Olá pessoal! Vamos conversar um pouco? Chegou a época mas linda, a de festejos e comemorações juninas.
O que gostaria de esclarecer é que os autistas com hipersensibilidade não são crianças que têm frescura. Que isso passa, que quando crescer a gente melhora. Não! Não, mesmo! Os barulhos, como fogos, bombinhas e tantos outros podem ter efeitos muito ruins para uma pessoa no espectro. Pode levar-nos a crises intensas.

Nossos ouvidos são muito mais sensíveis e têm uma maior percepção de som ambiente. No meu caso, não só barulhos, mas pessoas conversando várias vezes ao mesmo tempo me esgotam e me deixam em crise subitamente. Alguns chiados, barulho de chuva, que para você até relaxa e te faz dormir, para o autista não é uma coisa inventada, não é modinha.

O Transtorno do Espectro Autista (TEA) é resultado de alterações físicas e funcionais do cérebro e está relacionado ao desenvolvimento motor, da linguagem e do comportamento. O TEA afeta o comportamento, tem fundo neurológico, então para ajudar façamos a nossa parte!

Quando estiver em um ambiente e uma pessoa com autismo apresentar crise, sentir desconforto, tente ajudar e não julgar os pais e os seus filhos. Não é falta de educação se ele(a) grita, não é manha. Tenho esperança que um dia todos possam olhar com amor, não por rótulos, mas por inteiro. 

Veja também...

O Brasil conta atualmente com cerca de dois milhões de pessoas diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista (TEA). Para muitas dessas pessoas, …

O Governo do Tocantins sancionou a Lei 4.461, que institui a Política Estadual de Acompanhamento Pré-Natal e Pós-Parto para gestantes com Transtorno …

Como terapeutas, sabemos que criar um ambiente leve e acolhedor é fundamental para o desenvolvimento da criança. Mas você sabia que podemos …

plugins premium WordPress