20/06 | 2 anos de Coletivamente

Compartilhe

Compartilhe

O Transtorno do Espectro Autista (TEA) é uma condição complexa que afeta a comunicação, comportamento e habilidades sociais. 🗣️ A linguagem usada ao falar sobre pessoas com TEA é crucial! Usar termos como “meu autista” pode reduzir a pessoa ao diagnóstico, contribuindo para estigmatização.

😊 É importante uma abordagem centrada na pessoa, enfatizando a identidade individual. A Associação Americana de Psicologia recomenda “pessoa com autismo” em vez de “autista” para valorizar a humanidade da pessoa.

👏 Muitos pais e ativistas autistas se manifestam contra o uso de termos que não reconhecem a individualidade e dignidade das pessoas com TEA. Organizações como @autisticselfadvocacy promovem uma linguagem centrada na pessoa.

🙌 Respeitar a identidade e dignidade das pessoas com TEA é essencial. A linguagem que usamos afeta como percebemos e tratamos os outros. Vamos escolher palavras que promovam inclusão e respeito!

Veja também...

O Brasil conta atualmente com cerca de dois milhões de pessoas diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista (TEA). Para muitas dessas pessoas, …

O Governo do Tocantins sancionou a Lei 4.461, que institui a Política Estadual de Acompanhamento Pré-Natal e Pós-Parto para gestantes com Transtorno …

Como terapeutas, sabemos que criar um ambiente leve e acolhedor é fundamental para o desenvolvimento da criança. Mas você sabia que podemos …

plugins premium WordPress