Compartilhe

O que é e quais são os sintomas?

Compartilhe

O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é observado em crianças em fase escolar que apresentam o comportamento de desatenção, hiperatividade e impulsividade. Os sintomas começam na infância e podem continuar até a fase adulta. Ainda não se sabe a origem desse transtorno, se é genético, diferenças biológicas e psicossociais.

O diagnóstico deve ser realizado por uma equipe multidisciplinar por, no mínimo, seis meses de acompanhamento se a criança apresentar os mesmos sintomas em casa e na escola.

As crianças com TDAH podem apresentar o comportamento de agitação, inquietação e de destruição de objetos. Na adolescência, são pessoas imprudentes e impulsivas. Nas relações sociais acontecem a não cautela e inibição. Na vida adulta, se isolam e não são muito populares.

No ambiente escolar, a criança apresenta a falta de atenção nas atividades independentes se a aula é lúdica. Existem, também, a dificuldade de seguir regras, a ausência em atividades de raciocínio, perda constante dos materiais escolares e esquecimento das tarefas de casa.

Os sintomas que ocorrem no TDAH são a hiperatividade e impulsividade, como, por exemplo, a agitação de mãos e pés. O tratamento deve ser com uma equipe multidisciplinar na área da saúde (psicólogo, neurologista e psiquiatra) com a participação da família e escola. Em alguns casos podem acontecer a intervenção psicoterapêutica e terapia cognitivo-comportamental.

Na sala de aula muitas vezes os professores não sabem identificar que esse aluno pode ter TDAH, porque, em alguns casos, o comportamento pode ser descrito como birras, desânimo, preguiça ou má-educação. Quando o aluno apresenta o laudo de TDAH, os professores podem estimular na qualidade do ensino aprendizagem como enaltecer as qualidades da criança ou adolescente e, assim, estimular o seu desenvolvimento como os restantes dos alunos. Além de estratégias de inclusão dos alunos com TDAH, como aulas dinâmicas, lúdicas e musicoterapia para ajudar na concentração.

Portanto, criança e adolescente com TDAH possuem o potencial para se desenvolver como qualquer pessoa. Existem casos que a pessoa descobre que possuiu traços de TDAH na fase adulta e, mesmo assim, consegue ter uma boa carreira e desenvolvimento cognitivo. Este desenvolvimento depende do bom relacionamento entre pais e professores para, juntos, sanarem as dificuldades.

Veja também...

Na última quinta feira, dia 16 de maio, foi o Dia Nacional de Acessibilidade! @alinecastromg é uma referência nessa luta (não deveríamos …

Ter conhecimento básico sobre ABA é fundamental para todos os profissionais que atendem pacientes autistas.Para nós da área motora essa ciência é …

Os passeios até o Pratagy Acqua Park, em Ipioca, Alagoas, continuam proporcionando diversão para mais de mil crianças autistas que estudam em …

plugins premium WordPress