Compartilhe

Crédito: Pillar Pedreira/Agência Senado

Compartilhe

O bullying é sério e atinge mais gente que imaginamos nas escolas, você sabia disto?
Vamos nos unir por uma volta as aulas sem bullying.

Em 2019, 17,1% dos alunos, no Brasil, admitiram que já passaram por bullying, segundo a Pesquisa Nacional de Saúde Escolar.
E olha, quem é diferente, como os autistas e pessoas com deficiência, sofrem muito mais.

Então, pais, o que fazer?
Ensina teu filho a ser gente boa, a respeitar as diferenças. Converse com ele sempre e seja um exemplo positivo, estimule a amizade com todo mundo, independente das diferenças.

E, na escola, galera, vamos criar um ambiente legal!
Programas anti-bullying, treino para professores, canais pra denuncia anônima, tudo isso é importante.
Pais e escolas, se envolvam, colaborem para termos um ambiente escolar saudável, mais acolhedor, com afeto e respeito as diferenças.

Juntos, a gente pode transformar nossas escolas em lugares seguros e inclusivos.

Veja também...

A arte, em sua essência vibrante e transformadora, espelha a própria natureza humana. Flexível, mutável e repleta de surpresas, ela reflete a …

No vídeo abaixo, Marcos Mion faz mais um alerta bastante importante. Agora, o apresentador, pai do adolescente atípico Romeo e um dos …

A Justiça de Praia Grande, no litoral de São Paulo, deferiu liminares para que a Amil não cancele contratos de plano de …

plugins premium WordPress