Compartilhe

Compartilhe

Considerar o jiu-jítsu como alternativa viável no tratamento de crianças e adultos portadores do Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) é, no mínimo, saber que há possibilidades de afastar os momentos de distrações. A atividade tem potencial considerado para dispersar a desconcentração por meio de exercícios diversos e treinos que reforçam a celeridade na coordenação motora, circulação sanguínea e funcionamento cognitivo. A neurociência explica, através de artigos científicos, sobre a importância do fluxo sanguíneo na área cerebral, e esse ajustamento natural diário contribui na recomposição do pensamento.

Por conseguinte, a arte marcial japonesa é comprovadamente uma proposta esportiva completa, pois trabalha corpo e mente. Com o passar do tempo, os alunos que praticam os treinamentos rotineiramente percebem que não é somente trabalhar a defesa pessoal, mas estar convencido que é possível estabelecer metas e traçar objetivos no dia a dia – experiências marcantes. O atleta logo vai identificar que a vitória no tatame está alicerçada na concentração!

Bem-estar social

O jiu-jítsu proporciona, sobretudo, o bem-estar social e o respeito em todas as ocasiões. Não há tempo para ações que permitam a desatenção em meio aos alongamentos e aplicação das técnicas. Tudo isso é possível através de metodologias de ensino que inserem os alunos no universo de conhecimento esportivo, disciplinar e alimentar. Com isso, a autonomia é despertada dentro do tatame, pois a cada treinamento o aluno é capacitado para um novo processo que requer autoconfiança.

O Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade é um distúrbio que ocasiona situações vexatórias, todavia, não é o fim do mundo. No jiu-jítsu combatemos a desatenção crônica através da convivência com outras pessoas praticantes do esporte, seguindo regras e orientações. Por fim, destaco que o plano de execução que prevê a inserção de pessoas afetadas pelo TDAH no tatame deve estar associado ao devido acompanhamento médico e multidisciplinar de outros profissionais da saúde.

Fonte: Site Diário do Nordeste (https://diariodonordeste.verdesmares.com.br/opiniao/colaboradores/tecnicas-que-ajudam-no-tratamento-de-tdah-1.3315025

Veja também...

A arte, em sua essência vibrante e transformadora, espelha a própria natureza humana. Flexível, mutável e repleta de surpresas, ela reflete a …

No vídeo abaixo, Marcos Mion faz mais um alerta bastante importante. Agora, o apresentador, pai do adolescente atípico Romeo e um dos …

A Justiça de Praia Grande, no litoral de São Paulo, deferiu liminares para que a Amil não cancele contratos de plano de …

plugins premium WordPress