Compartilhe

Educação é para todos

Compartilhe

A ideia de “nivelar por baixo” o desempenho acadêmico de uma turma ao incluirmos educandos com deficiência em sala de aula regular pode gerar grande preocupação por parte de alguns.

O sistema educacional brasileiro sempre teve que lidar com educandos taxados “de baixo desempenho” – mas por que tanta preocupação se revela ao falarmos de inclusão de educandos com deficiência?

No contexto do autismo, de forma alguma viso à extinção de instituições como APAEs e Pestalozzis. Pelo contrário, entendo que são instituições que fizeram e continuam fazendo diferença na educação e vida de muitos.

Entretanto, intenciono um cenário no qual essas instituições estejam legitimadas e em plena parceria efetiva com o sistema educacional e demais órgãos públicos, visando à educação inclusiva.

Imagino que para alguns seja possível de esquecer: educação é um direito de, literalmente, todos. Pessoas com deficiência são parte deste todo!

Veja também...

A arte, em sua essência vibrante e transformadora, espelha a própria natureza humana. Flexível, mutável e repleta de surpresas, ela reflete a …

No vídeo abaixo, Marcos Mion faz mais um alerta bastante importante. Agora, o apresentador, pai do adolescente atípico Romeo e um dos …

A Justiça de Praia Grande, no litoral de São Paulo, deferiu liminares para que a Amil não cancele contratos de plano de …

plugins premium WordPress