Compartilhe

Compartilhe

No livro “A Escova de Dentes Azul”, o Natal está chegando e três irmãos se preparam para pedir presentes para o bom velhinho e um deles, Romeo, surpreende e pede algo muito simples, mas cheio de significado.

Essa foi a história que o apresentador Marcos Mion escolheu para contar na sua primeira incursão pela literatura. Lançado em 2016, o livro tem como protagonista seu filho, que faz parte do Transtorno do Espectro Autista (TEA), assim como o personagem.

Mas não é só nas páginas dos livros que Mion fala sobre o filho: em entrevistas, vídeos e redes sociais, o apresentador faz questão de compartilhar seu contidiano com o filho mais velho, inclusive, recentemente explicou por que Romeo não viaja junto com a família nas férias mais longas.

Em entrevista para Marie Claire na época do lançamento da publicação, Mion fez questão de dizer “que o autismo não é doença, que existe um ser humano lá. Não precisa ter medo dele. É só saber lidar com ele. Espero com o livro conscientizar as pessoas e fazer um futuro para o meu filho com menos preconceito e mais respeito”.

Goleiro Cássio

“Tenho uma filha, a Maria Luiza, que tem autismo e é uma causa que tenho conhecido mais agora. Tenho muito o que aprender, mas é uma causa que temos pouca informação e, às vezes, não se tem o respeito que deveria. É uma causa que temos que lutar diariamente, quem tem filho autista sabe o que é”, afirmou Cassio, capitão do Corinthians, no Dia Mundial da Conscientização do Autismo. 

Em um vídeo publicado na TV do clube, ele ainda completou: “Que a gente possa progredir, ajudar, ser cada vez melhor como pais e pessoas, aprender mais sobre essa causa e mostrar que a criança autista tem direito de estar em qualquer lugar e de participar normalmente do dia a dia de um criança sem autismo”. 

O jogador também passou a integrar o movimento “Autistas Alvinegros”, composto por torcedores do clube, e celebrou o fato da Neo Química Arena ter um espaço criado especialmente para atender pessoas com autismo e familiares, com isolamento acústico e diversas atividades.

Apresentador Manoel Soares

“Como toda família que recebe o diagnóstico, encontramos um mundo novo e de infinitas descobertas diariamente. Ainda mais no nosso caso que são duas crianças e com características muito diferentes. Izael não falava e não tinha interesse por brinquedos e Ezequiel tinha seletividade alimentar e cantava o dia todo. O autismo estava ali e não sabíamos”, contou o apresentador para o GShow. 

Iza e Ezequiel são dois dos seis filhos do apresentador, que revelou ainda que tudo é um processo de entendimento. “Mesmo sabendo que o autismo não é uma doença, dentro da cabeça e do coração de nós, pais, acontece um turbilhão de coisas, entre eles muito medo. Medo de não dar conta, de não conseguir atender às necessidades a partir daquele momento, de que sofram por conta do preconceito. Então, quando a notícia chega sempre gera um misto de emoções que precisamos acalmar”. 

No ar, enquanto era o ex-apresentador do programa “Encontro”, Manoel chegou a compartilhar um momento emocionante que teve com o filho: “Ontem, meu filho, que é autista, pela primeira vez falou ‘eu te amo’ e estou meio mexidinho com isso”. 

Fonte: Terra (https://www.terra.com.br/nos/pais-famosos-de-filhos-com-autismo-relatam-lutas-e-emocoes-pela-primeira-vez-falou-eu-te-amo,07cea355982b5ad32c8084be7dc1ba0b31exg0nj.html)

Veja também...

A comunidade autista no Brasil está profundamente consternada pela morte de Liliane Senhorini, a querida Lili, professora, ativista e mãe de três …

Ei, pessoal! Vamos falar sério por um minuto? Você, adulto, acha que seria eficaz se sua sessão de terapia durasse apenas 20 …

Primeiramente, vamos entender o que é o BPC/LOAS. BPC é a sigla do Benefício de Prestação Continuada, um benefício assistencial pago pelo …

plugins premium WordPress