20/06 | 2 anos de Coletivamente

Compartilhe

Enxergar o que está por trás

Compartilhe

O atraso no desenvolvimento motor AINDA não é um dos critérios de diagnóstico para o TEA, mas os sinais estão todos aí. Quase 100% das pessoas enxergam apenas um comportamento agressivo e a falta da comunicação verbal, e aposto que essas são as principais queixas que você recebe dos seus pacientes.

Mas, como profissional da área motora no TEA, é sua função entender o que está por de trás dessas dificuldades e os impactos disso ao longo da vida.

Nunca se esqueça, o bebê autista de hoje é a criança, o adolescente, o adulto e o idoso autista de amanhã, e como profissional, a sua missão é contribuir para que ele alcance todas essas etapas com qualidade e a maior autonomia possível.

Veja também...

O Brasil conta atualmente com cerca de dois milhões de pessoas diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista (TEA). Para muitas dessas pessoas, …

O Governo do Tocantins sancionou a Lei 4.461, que institui a Política Estadual de Acompanhamento Pré-Natal e Pós-Parto para gestantes com Transtorno …

Como terapeutas, sabemos que criar um ambiente leve e acolhedor é fundamental para o desenvolvimento da criança. Mas você sabia que podemos …

plugins premium WordPress